Pages

JOEY JORDISON REVELA POR QUE DEIXOU O SLIPKNOT

Depois de 3 anos, o baterista Joey Jordison revelou o verdadeiro motivo que o fez deixar o Slipknot. Anteriormente dado como 'demitido', além de sua saída ter sido relacionada a problemas com drogas, Joey aproveitou o discurso durante a premiação da Metal Hammer, para revelar que deixou o Slipknot após ser diagnosticado com uma doença rara chamada Mielite transversa, que ataca o sistema nervoso, deixando ele literalmente sem pernas. No vídeo que poder ser visto aqui (18m45s) e traduzido pelo Slipknot:BR, Joey falou:

"Eu quero que vocês façam barulho para o Slipknot também. Nós conquistamos muita coisa, cada um de nós, e eu desejo a eles muita sorte e tudo de melhor. O que nós criamos em um porão em Des Moines... nunca terá nada igual.
No final da minha carreira no Slipknot, eu fiquei muito doente, com uma doença horrível chamada mielite transversa. Eu perdi as minhas pernas, não conseguia mais tocar. É uma forma de esclerose múltipla, que eu não desejaria ao meu maior inimigo. Eu me ergui, fui para a academia e comecei a terapia para lutar contra essa merda. Foi a coisa mais difícil que eu já fiz na minha vida, mais do que qualquer coisa. Para as pessoas com esclerose múltipla, mielite transversa ou algo do tipo, eu sou a prova viva que você pode vencer isso. (...) Só pelo fato de ter o metal vivendo em seu coração, você pode vencer qualquer coisa. Amanda, eu te amo! Obrigado." 
Joey Jordison deixou o Slipknot em Dezembro de 2013, e sua última apresentação com a banda foi justamente no Brasil, no Monsters Of Rock 2013.

Fontes: Metal Hammer | Slipknot Brasil